Buscar
  • Agencia X10

Umidade na câmara fria é normal? Venha entender com a Equipe A.



É bastante claro que o sistema de refrigeração e congelamento são processos indispensáveis em nosso cotidiano, que são utilizados para conservar diversos tipos de mantimento. E uma das principais e mais eficientes formas de realizar esse processo, é através da câmara frigorífica. Além de mantimentos alimentícios, a câmara fria também é uma excelente ferramenta para efetuar o armazenamento de medicamentos e outros tipos de conteúdo (como em necrotérios por exemplo).

Mas para que as câmaras frias garantam a sua excelência, é necessário que esteja funcionando perfeitamente, tanto nas condições dos equipamentos, quanto na faixa de temperatura ideal para o conteúdo, e quando isso não ocorre alguns problemas podem surgir. Um dos problemas mais conhecidos é a umidade na câmara fria, que pode ocasionar um enorme prejuízo, fazendo com que os conteúdos sejam mal conservados e cheguem a estragar. Sendo assim, vamos mostrar as principais causas de ocorrer este tipo de fenômeno, e como pode ser resolvido! Veja:


Porta da Câmara Fria Aberta

No setor operacional da câmara fria, existe uma rotina diária de retirar e inserir produtos da câmara frigorífica, e caso não seja feito corretamente, pode gerar uma série de problemas, visto que a posta ficará aberta, facilitando a entrada de ar e umidade externa.

Este tipo de fluxo prejudica o equilíbrio térmico já estabelecido, e faz com que o motor fique sobrecarregado em seu funcionamento para poder atingir a temperatura necessária. Para que isso não ocorra, o recomendado é que a porta fique aberta somente no tempo necessário, e sempre ser confirmado se ela está fechada devidamente.

Higiene é necessária!

Ainda sobre a umidade que entra na câmara, ela poderá acarretar na formação de gelo no interior, interferindo diretamente no funcionamento da câmara frigorífica. É necessário adotar o hábito de realizar o degelo seguido de higienização, pois são elementos indispensáveis para o bom funcionamento da mesma.

Faça um cronograma de degelo e limpeza do equipamento. A higienização deverá ser periódica e também realizada de maneira adequada, pois do contrário pode causar danos à máquina.



Fonte: Multifrio

3 visualizações0 comentário