Buscar
  • Agencia X10

Instalação e manutenção de câmara fria. Veja com a Equipe A:



Em vários tipos de empresa, principalmente as que lidam com produtos químicos e com alimentos, é necessário ter uma câmara fria para armazenar produtos. E o melhor caminho para extrair máximo de qualidade possível desses sistemas, é importante investir corretamente em sua instalação e manutenção.

Com um pouco de conhecimento e preparo, você pode acompanhar esse processo e garantir o melhor funcionamento de todo o sistema. Quer entender melhor o assunto? Então, acompanhe.


Qual é a importância da câmara fria?

Como já mencionamos, uma câmara fria é fundamental em negócios que exigem a conservação do produto em baixas temperaturas. Dessa forma, é possível mantê-los resfriados ou congelados, além de secos, por longos períodos de tempo. Isso minimiza o custo com reposição de estoque e também ajuda a garantir a maior qualidade da mercadoria em vários contextos.


Como é feita sua instalação e manutenção?

O processo de instalação e manutenção de câmara fria pode ser um pouco complexo. Veja aqui alguns de seus estágios e como eles funcionam:



1. Localização

Primeiramente, o espaço no qual a câmara ficará localizada é fundamental. É ideal que ela não esteja muito próxima a uma fonte de calor muito forte, pois isso dificultaria a preservação da temperatura. Da mesma forma, deve haver uma saída de ar adequada para os exaustores, evitando reformas muito amplas e demoradas.


2. Revestimento e isolamento

O próximo passo é montar um isolamento térmico ao redor da câmara, garantindo que não haverá muita troca de temperatura entre o espaço interno e externo. A escolha do material pode variar de acordo com sua necessidade e os recursos disponíveis.


3. Sistema de resfriamento

Com um isolamento adequado, você deve, em seguida, fazer a instalação dos motores de resfriamento. São esses aparelhos que vão retirar o calor da câmara e garantir que ela mantenha uma temperatura mais baixa ao longo do dia. Mais uma vez, a potência e o tipo dependem da sua demanda e do seu contexto.


4. Controle de umidade

O nível de umidade em uma câmara fria influencia diretamente a preservação dos produtos. No geral, o ideal é manter o espaço o mais seco possível, evitando o acúmulo de sujeira e a corrosão de superfícies. Além disso, menos umidade significa menos gelo acumulado na área.

5. Limpeza e filtros de ar

Com respeito à manutenção, o mais importante é investir na limpeza adequada do sistema de resfriamento, especialmente os filtros de ar. Quando eles ficam muito carregados, a passagem de ar fica mais difícil, exigindo mais energia e prejudicando o resfriamento.


6. Reparação e substituição de peças

Por fim, é importante verificar o sistema para identificar problemas de funcionamento. Detectar falhas e substituir as peças quando necessário é fundamental para garantir o melhor uso da câmara fria, minimizar perdas e facilitar a preservação dos seus produtos.

Agora que você entende um pouco mais sobre a instalação e manutenção de câmara fria, pode acompanhar esse processo em sua empresa.



Fonte: HD Câmaras Frias


4 visualizações0 comentário